Páginas

domingo, 24 de julho de 2011

Anos atrás, em aulas com Ana Paula, ela sempre me dizia que uma noite de sono era fundamental para um cantor. (suspiro) Eu achava que era balela, desculpa pra quem gosta de dormir. Eu, que nunca gostei, hum, nem ligava. Mas isso eu pensava do alto do meu amadorismo. Agora que estou no auge da semi-profissionalização (risos), confesso a vocês...Ana tinha toda razão.

Agora que, como dizem meus amigos, estou "estourada", e quase toda dia tenho ensaio, gravação ou sei lá o quê, gente...horas de sono são imprescindíveis! Fundamentais! A diferença na qualidade da voz é notável e impressionante, algo como nunca imaginei que fosse ser.

Então, gente...bora dormir que faz mesmo bem.

sábado, 23 de julho de 2011

O show foi maaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaassa!!!!

Bem, quem foi não vai acreditar, mas eu estava doente. Cheguei lá com febre, dor de garganta, dor de cabeça, enfim...(suspiro) E pensei: "Ellen, minha filha, tá na hora de mostrar pra que tanto trabalho muscular." Usei técnica, orei e...vamo que vamo! Como eu disse: "O palco me curou." :D

Foi o melhor show da Quanta: muito animado, cheio de participações especiais, e eu simplesmente me divertindo muuuuuuuuuuuuuuuuuito. A banda McQueens - pra quem abrimos a noite - vixe, deu um show de rock clássico. Tudo muito coeso, perfeito, estudado, leve e agradável. Vocês não podem perder a sexta que vem, quando repetiremos a dose. Que massa!

Abaixo umas fotinhas.


Banda Quanta: eu, Renato no baixo, Luiz na guitarra (falta André, o batera, que é claro não vai aparecer nunca nas fotos, huahuahu) 


Participações especiais: Juca (compositor) e Jefferson Guimarães (baixista da Sinal Sonoro) 


McQueens


É claro que não posso deixar de pensar que, enquanto eu estava cantando, a Amy Winehouse estava morrendo na casa dela. Isso é muito triste, não só uma pessoa morrer por não conseguir se libertar de vícios, mas também o mundo perder um talento vocal como o dela. Amy, minha querida, deixo aqui meus sinceros sentimentos. O que posso fazer por você é continuar cantando por aqui.

Que Deus me permita morrer bem velhinha, com a voz muito grave pela velhice e as perninhas cansadas de tantos saltos...

sexta-feira, 22 de julho de 2011

Show Quanta no BondCanto 2


Que bacana, esse ficou o cartaz do show que a Quanta vai fazer hoje, novamente no BondCanto, as 21h, com a banda McQueen. 5 reais, apareçam!!

O espaço do BondCanto tem se tornado um point na cena rocker de Salvador. Isso é uma coisa muito bacana, temos poucos espaços para sons alternativos, especialmente na esfera privada. Vamo lá dar uma força e valorizar a iniciativa. 

Além do show hoje (que é claro que vocês vão, hehehe), tem rolado toda terça-feira lá uma jam de rock'n roll, que coisa bacana, que eu até já participei e em breve coloco fotos aqui. 

Beijos e até mais tarde!!

quarta-feira, 20 de julho de 2011

1, 2, 3...de brincadeira, gravando!

Ai...Sempre vou reclamar que queria contar mil coisas e não consigo. Que coisa!

Investir em boa aparelhagem é um objetivo de todo músico. A gente sempre quer ter o que há de melhor, não só pra produzir sons melhores, mas também pra facilitar nossa vida em muitos aspectos. Quando eu comecei a me introduzir no mundo musical eu sempre me perguntava: "Todo mundo fala que músico ganha mal, mas como ele(a) pode ter essa guitarra/computador, etc?" Achava que os músicos escondiam dinheiro debaixo do colchão ou qualquer coisa assim, haiahiahia.

Bem, o fato é que todo mundo deixa de comprar o que for pra juntar dinheiro pra comprar suas aparelhagens, cada vez melhores e melhores. E, nesse sentido, é claro que eu também faço isso, tenho feito.

Minha última aquisição foi um Mac. Muito lindo mas, melhor que isso, bem potente e coisa e tal. Isto porque eu quero muito mexer com arquivos de áudio, compor minhas coisas eu mesma, sem depender de ir pra estúdio, quem sabe também gravar umas coisinhas e editar aqui mesmo. Estou bem feliz com a aquisição, apesar de meio desesperada, porque o Mac é bem diferente do Windows e não tenho costume nenhum com o sistema. Então estou muito me batendo aqui com as coisas mais básicas.

Eu sei que resolvi fazer uns testes ontem com o computador no ensaio do Grupo Lex. Fomos tentando gravar num programinha que já veio aqui no computador, que se chama Garage Band. Como programa profissional, existem outros bem melhores, mas como programa amador, ele é muito bom. Então fui mexendo sem muitas pretensões. E fiquei feliz, porque conseguimos ir melhorando a qualidade do áudio, tentei uns efeitos, até achei onde a gente abre pistas, pra gravar cada instrumento em separado (o que deixa a qualidade bem melhor, pra quem não sabe). Hihihi, foi engraçado, fiquei tensa parecendo que era gravação séria, hauahuahauhu, sou besta.

Foi muito bom nos ouvir. Reparei como minha voz está mais madura e redonda, cheia, muito mais bonita mesmo. Que bom. Todo esse trabalho tem mesmo servido pra alguma coisa! (hauhauhau, a professora me mata.)

Então o ensaio foi assim, de brincadeira, gravando, dando risada, nos ouvindo. Agora tenho que procurar transformar isso em mp3, será que tem como? Seria ótimo mostrar pra vocês!

Também fiquei sabendo que vou tocar com a Quanta na sexta-feira novamente. Ainda não sei bem as informações, mas assim que souber, posto aqui.

Um beijo.

sexta-feira, 8 de julho de 2011

Show Quanta - Drama Urbano

Nossa banda amiga Drama Urbano fez um lindo lançamento do seu cd autoral lá na livraria Cultura, que foi um show! Agora eles organizaram um show pra dar continuidade à divulgação desse mesmo cd e - que massa! - convidaram a Quanta pra abrir o show deles! Estou muito contente com o convite! Além de nós, eles terão outras atrações bem bacanas. E tudo isso por reles 5 contos. Tá muito barato, vocês TÊM que ir ver esse povo todo, porque o som vai ser bem interessante e diversificado. Rock pesado, pop rock, blues, tudo nessa noite. Muito bom!

Vai ser no BondCanto, no Rio Vermelho, a partir das 20h, neste sábado, dia 09/07.

Espero vocês lá!

Ah, me sigam no twitter, que vou lançar uma promoção bacana lá pra esse show. Aí do lado, ó: -------->